Livros, livros, livros…

Publicado por em set 27, 2010 em Blog | 0 comentários

Na área do consumo(ismo), tenho um defeito principal: compro livros, compro muitos livros. Eu leio todos, se não leio fico incomodada até lê-los. Aliás, estou sempre lendo muitos ao mesmo tempo, de vários gêneros, idiomas e tamanhos.

Os livros estão espalhados por todos os cantos da casa. Comprei um belo (e enorme) móvel de madeira de demolição para contê-los, mas já transbordaram seus limites. Nas mudanças, os livros são sempre os artigos que ocupam maior volume. Nas viagens, nem se fala. Considero seriamente a adesão ao livro eletrônico, para aliar a leitura a um outro vício de consumo, os gadgets, e reduzir consideravelmente o volume e a ocupação de espaço na casa, mas ainda não cheguei neste ponto.

Com a necessidade de me controlar veio o hábito de comprar os livros pela internet. Numa livraria física é tudo mais tentador, na virtual dá para exercer um certo controle sobre mim mesma.

Uma frustração é não poder entrar em sebos. É uma pena, mas deve ser um dos únicos lugares nos quais a alergia me ataca. Cinco minutos e pronto, aparecem as coceiras no nariz, espirros. Mais cinco e vem a dor de cabeça, mal estar. Com isso, infelizmente (ou seria felizmente para a minha conta bancária e meu excesso de consumo) evito frequentar sebos.

Mas recentemente apareceu uma novidade na internet interessantíssima. Fiquei sabendo numa das redes sociais, entrei, gostei, comprei a primeira vez, gostei mais ainda, comprei uma segunda vez e recomendo. Reparem que isso não é propaganda, o serviço é legal mesmo e por isso resolvi indicar.

Estou falando da Estante Virtual, um portal que junta 1789 sebos do Brasil em um só lugar e também é uma loja eletrônica muito maneira. Eletrônica, mas com um diferencial: depois de efetuar a compra o vendedor entra em contato com você para confirmar o envio. Se tiver sorte, você ainda recebe dicas de viagem, como no meu caso, que comprei um guia. O dono do sebo já esteve no local e me mandou conselhos por e-mail que foram o empurrãozinho final que faltava para decidir fazer a viagem.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.