Brasilidade

Publicado por em ago 19, 2004 em Blog | 0 comentários

Ontem (18/08) começou o Festival Internacional de Cinema de Edinburgh. O filme de abertura foi o “Diário de Motocicleta”, do Walter Salles. O filme está sendo aclamado pela crítica e pelo público por onde passa, e ontem não foi diferente.

Hoje a tarde (19/08) teve uma sessão de discussão com o Walter Salles. Ele é muito bem conhecido por aqui, desde que “Central do Brasil” foi exibido no mesmo festival, há alguns anos atraz.

A casa estava cheia, os ingressos esgotados há muito tempo e tivemos que aguardar na fila de espera. Valeu a pena! Ele falou sobre o cinema na América Latina, como foi todo o projeto e realização do “Diário de Motocicleta”, sobre o cinema no Brasil. Nunca tinha tido a oportunidade de vê-lo antes e foi uma ótima surpresa. Ele se mostrou uma pessoa muito bem informada, muito crítico e humilde, e muito brasileiro. Sua política de trabalho parece muito interessante e a maneira com que ele lidou com o público foi cativante. Foi muito aplaudido e no final tinha uma fila para falar com ele.

Ainda não vi o filme. As entradas para as duas sessões de ontem estavam esgotadas há tempos. Mas está programado para ser mostrado no Filmhouse a partir do início de Setembro. Não pude deixar de registrar aqui minha admiração e a excelente oportunidade de conhecer mais uma estrela brasileira.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.